15 de maio de 2015

CIRCUITO NACIONAL DE SEVENS TEM ETAPA DE COIMBRA EM SEGREDO

Disputa-se no sábado em Coimbra a segunda etapa do Circuito Nacional de Sevens com a participação de oito equipas, depois de se ter disputado no fim de semana passado a primeira etapa, na Moita do Ribatejo.

O torneio de Coimbra, organizado pela Académica, tem o seu início marcado para as 11,30 h de amanhã, e hoje, sexta feira até à hora em que fazemos esta notícia (13 h), a Federação Portuguesa de Rugby ainda não informou publicamente a ordem dos jogos nem o horário dos mesmos.

Aliás também em relação à primeira etapa a FPR não fez nenhuma comunicação sobre os seus resultados, nem os tem publicados no seu site, tendo nós recebido a informação através do Rugby Vila da Moita, organizador da primeira etapa.

Também se estranha que passado praticamente uma semana a FPR não tenha igualmente divulgado os resultados do Torneio da 1ª Divisão, realizado em Santarém, e que o Mão de Mestre publicou, graças aos resultados fornecidos por uma das equipas participantes.

Ou seja, notamos que está a ser feito um grande esforço para manter os sevens na clandestinidade, o que é no mínimo estranho (ou talvez não...) quando somos candidatos a conservar a qualidade de equipa residente do Circuito Mundial, e nos preparamos para disputar o Grand Prix da Europa e o qualificativo para os Jogos Olímpicos, de que aguardamos que a FPR confirme a sua realização em Portugal.

Ou seja, em sevens Portugal é um dos melhores do mundo, mas a FPR tem feito um grande esforço para os conseguir liquidar.

Em relação à etapa de Coimbra, e a partir da classificação da primeira jornada, acreditamos que os grupos de qualificação sejam compostos da seguinte forma:
Grupo A - Direito, Vila da Moita, Académica e CDUP
Grupo B - Belenenses, Técnico, Benfica e Cascais.

Junto publicamos o quadro correspondente à primeira etapa, lamentando não ser possível darmos mais informações sobre o evento.


1 comentário:

Antonio Freitas disse...

É uma vergonha , para se saber resultados da primeira etapa tem que ser no mão de mestre assim como esta segunda etapa , para darem informações das trapalhadas dos sevens (entra x e sai y ) é que dão , não se percebe . Quando se devia dar valor a um circuito nacional pilar do que deveria ser a selecção de sevens , nada , apenas propaganda da má .