16 de novembro de 2019

TRIO DA FRENTE CONTINUA NA MESMA, NA PERSEGUIÇÃO GUIMARÃES VOLTA AO QUARTO LUGAR

O Guimarães foi vencer a Elvas por 40-29 mas não conseguiu o tão desejado ponto de bónus, pelo que o seu quarto lugar na tabela se fica a dever aos fatores de desempate (no caso, maior número de vitórias), já que o Santarém regressou às vitórias depois de três jornadas a perder, desta feita derrotando o Braga por 35-10 e conseguindo o seu quarto ponto de bónus e igualando os bravos em número de pontos na classificação, pois os minhotos apesar das quatro vitórias obtidas (contra três dos cavaleiros) não registaram ainda qualquer bónus...

13 de novembro de 2019

JAGUARES SURPREENDEM E ENTRAM NO GRUPO DOS QUATRO

Derrotando o Santarém em Monsanto por 38-5 com direito a bónus de ataque, os Jaguares sobem ao grupo dos quatro potenciais finalistas da prova, e lideram um conjunto de quatro equipas separadas por apenas cinco pontos, que perseguem os três primeiros classificados, que estão separados entre si por apenas quatro pontos.

O Évora continua isolado na frente com 25 pontos, depois de ter ido a Guimarães vencer por 36-27 com direito a ponto de bónus, enquanto o São Miguel não deixa os chaparros fugirem, e está na segunda posição com 24 pontos, depois de vencer a Bairrada por 32-11, também com ponto de bónus.

7 de novembro de 2019

ÉVORA E SÃO MIGUEL NA FRENTE, GUIMARÃES BRILHA EM SANTARÉM

Na Primeirona a vitória do Guimarães em Santarém por 26-21 foi o resultado de maior destaque do fim de semana, e levou os bravos ao grupo dos primeiros que disputarão a fase final, por troca precisamente com os escalabitanos que desceram à quinta posição.

O Évora venceu o Elvas em Évora (inversão de jornada) por 38-3 e continua isolado na frente com quatro vitórias e quatro bónus de ataque (20 pontos), logo seguido do São Miguel (19 pontos) que foi às Caldas buscar uma difícil vitória (15-14), deixando os pelicanos na terceira posição com 16 pontos, e o Guimarães na quarta posição com 12 pontos, talvez fruto de não terem conseguido ainda nenhum ponto de bónus.

6 de novembro de 2019

NA DIVISÃO DE HONRA MONTEMOR VENCE E TUDO VOLTA AO NORMAL...

Regressou a monotonia à Divisão de Honra, com a vitória do Montemor sobre o Benfica (16-12) em Lisboa, que acabou por facilitar a vida ao Técnico, que desta forma se mantém no grupo que vai disputar o título apesar da derrota que sofreu frente ao CDUL (39-7)

Claro que o Montemor tinha que provar de alguma forma que a sua vitória no Campeonato Nacional da 1ª Divisão no ano passado não foi coisa do acaso, tendo vencido dois dos três jogos que disputou com os encarnados - ganhou fora (13-7), perdeu em casa (17-20) e venceu na final (17-11), e para isso impunha-se uma vitória contra o rival lisboeta.

4 de novembro de 2019

ÁFRICA DO SUL VENCE MUNDIAL E CONVENCE!

Uma África do Sul com um espírito único vence sua terceira final no Mundial, 24 anos depois do seu regresso ao convívio internacional e da sua primeira vitória.

Derrotando a (favorita) Inglaterra por claros 32-12, os Springboks igualam a Nova Zelândia no número de títulos e cometem a proeza de terem ganho todas as finais em que participaram, com a curiosidade de isso acontecer de 12 em 12 anos...

Numa demonstração da sua rara habilidade para os grandes momentos, a África do Sul nunca sofreu um único ensaio nas finais em que participou, e este ano marcou ensaios pela primeira vez - dois, culminando uma partida onde foram superiores desde o primeiro minuto.

31 de outubro de 2019

MUNDIAL DO JAPÃO A CHEGAR AO FIM!

A maratona do campeonato do mundo que começou no dia 20 de Setembro vai chegar ao seu termo com a realização dos dois últimos jogos amanhã e no sábado.

Foi uma competição marcada por dois fatos que não podem ser esquecidos, com a tónica no apuramento do Japão para os quartos de final, depois de uma fase de apuramento perfeita, onde contou por vitórias os quatro jogos realizados. Naturalmente eliminado nos quartos de final, o Japão guardará esta presença na fase eliminatória como uma medalha de honra no seu historial.

NA DIVISÃO DE HONRA, OBRIGADO BENFICA!

Todos os que gostam de rugby em Portugal estão agradecidos - e se não estão deviam estar! - ao Benfica que nos proporcionou os únicos momentos de interesse em toda a primeira volta da Fase de Apuramento da Divisão de Honra!
Não fora a sua vitória sobre o Técnico por 24-22, na segunda jornada desta exigente Fase com três jornadas, e o Campeonato Nacional da Divisão de Honra teria sido a absoluta monotonia competitiva da história do rugby nacional dos últimos 10 anos!