14 de março de 2016

PORTUGUESES EM FRANÇA TRISTES COM O QUE SE ESTÁ A PASSAR *

* Manuel Lopes
Antes de comentar os resultados do fim de semana, tenho que deixar umas palavras sobre a entrevista feita dia 12 pelo presidente do CDUL  ao jornal Record, que pode ler no meu Facebook (link no final do Texto)

Essa entrevista mostra claramente como funciona a nova direcção da FPR! Deve ser difícil acumular duas presidências!

Criticar os emigrantes sobre o valor deles e dizer que eles vinham, recebiam e iam embora, é uma enorme falta de respeito com homens que de certeza têm mais amor pela Pátria Mãe que certas pessoas que só pensam nos seus próprios interesses, à custa do contribuinte! 
Como se eles viessem jogar por dinheiro! 

Já agora por falar de dinheiro, se a FPR está com dificuldades financeiras não será porque alguns atletas (entre os quais alguns do CDUL) foram remunerados pela FPR durante vários anos? 

Vocês vão ver que os culpados da descida de divisão da Selecção Nacional vão ser os emigrantes !!!! 

Dizer que os resultados não seriam melhores se os emigrantes fossem convocados isso é uma falta de respeito aos Bardy, Tadjer, Alves, Beco, Martins etc etc! 
Há o AMOR à camisola! Quem nasceu já com uma colher de prata na boca não pode sentir aquela adrenalina que sente o emigrante pela Pátria!

Enfim estamos aqui em França todos muito tristes sobretudo os jogadores ao ver como somos considerados por certas pessoas que bem enganaram os eleitores nas eleições da FPR! 

Vamos agora aos resultados dos nossos queridos meninos.

TOP-14
La Rochelle 35-16 Pau 
No Pau o jovem pilar Geoffrey Moise entrou aos 58 minutos, e o Samuel Marques não foi convocado.

Castres 50-6 Agen
No Agen Mike Tadjer não foi convocado, ficou a descansar.

Clermont 25-6 Brive
No Clermont Julien Bardy entrou aos 65 minutos.

Stade Français 16-34 Racing
No Racing o jovem pilar Gomes Sá participou na vitória no derby de Paris, entrou aos 66 minutos.

PROD2

Narbonne 20-26 Biarritz
O Narbonne foi derrotado em casa pelo Biarritz com o capitão David Penalva ainda sem poder alinhar por lesão. O David acaba de renovar pelo clube (ver aqui). No Biarritz Jean Sousa também não alinhou, lesionado.

Albi 17-41 Bourgoin
O CSBJ vencia por 17-10 mas estava com muitas dificuldades na primeira linha. foi então, aos 32 minutos, que o Christian Spachuk e o Fakalelu saltaram do banco e então a música mudou logo! Grande vitória do CSBJ! o Fábio da Silva também entrou aos 62 minutos.

Tarbes 17-20 Aurillac
No Aurillac Anthony Alves entrou aos 52 minutos.

Béziers 26-17 Colomiers
No Béziers o Chico Fernandes ficou no descanso. Note-se que o seu contrato foi prolongado por mais dois anos. No Colomiers o capitão Aurelién Beco foi titular.

Montauban 12-3 Carcassonne
No Carca José Lima foi titular.



Link para o meu Facebook:

Comentários à entrevista no meu Facebook:
Antonio Paulo Goncalves: Grande tristeza.. Lamentável

José Longo: Verdade Manu, a FPR dirigida com esta équipa de conas mansas, as seleções nacionais não vão ir longe. Não é só falta de respeito com os jogadores lusodescendentes, eu penso que é também racismo, porque esses senhores só querem jogar e dirigir entre eles. Com esta política vamos ter uma grande nação de rugby no próximo campeonato do mundo.

Alqateia Do Luxemburgo: Muito triste com tudo isto. Esta entrevista é muito reveladora sobre o estado do Rugby em Portugal.


23 comentários:

a disse...

Não identifico essa entrevista, poderia voltar a colocar por gentileza? Obg

Manuel Cabral disse...

https://scontent-gru2-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xpf1/t31.0-8/s960x960/12823296_10154081666614276_304917876319314002_o.jpg

antonio goncalves disse...

Aqui vai a entrevista ao jornal record:
https://www.facebook.com/CDULRugby/photos/a.298133744275.181520.151845079275/10154081666614276/?type=3&theater

Duarte disse...

Primeiros comentários à mais estranha entrevista do rugby português:

1. O presidente de um clube, alguém que não faz parte da direcção da FPR, dá uma entrevista de uma página em que 90% é a falar sobre a FPR e a selecção. A primeira pergunta, em vez de ser sobre o seu clube, é logo a perguntar-lhe coisas sobre a selecção. E depois continua assim, descendo o entrevistado a pormenores sobre o que ele acha que deve ser a selecção e a FPR!!!

2. Que ele era o mentor da candidatura de Cassiano Neves já se sabia. Que quem manda de forma absoluta é ele, ficou a perceber-se; nem sequer tentou disfarçar. Pobre Cassiano Neves que tão desautorizado ficou. Mas talvez esteja a receber, como o anterior presidente e, como tal, não se importe, de fazer tão triste figura. Recebe ou não? Ficou de dizer como é que ia ser e até agora não disse, apesar de ter avisado sempre que não ia exercer as funções a tempo inteiro.

Duarte disse...

Sr. José Longo,

Percebo a sua indignação, mas os insultos devem ser evitados. Não se deve descer a esse nível. E o que se passa não é racismo, mas sim um preconceito de classe contra os filhos de emigrantes.

Duarte disse...

"Ainda há um ano levámos 45 do Quénia e levámos vários luso-descendentes, bla, bla, bla". "Quem nos critica agora é intelectualmente desonesto" (Citações de cor, não consegui fazer copy/paste).

Vejamos então quem é que é intelectualmente desonesto.

A deslocação ao Quénia, da responsabilidade da anterior direcção, é certo, foi uma palhaçada. Muitos jogadores a jogarem em Portugal (alguns deles do CDUL) mostraram-se indisponíveis! Estranho, não é?! Heróis do Mar, indisponíveis?! Isso existe?! E alguns dos que foram nem vacinas levaram.

Para conseguirmos levar 23 foi convocado tudo qt fosse luso-descendente das Federales. Nem um treino de conjunto fizeram. Na véspera do jogo foi tudo passear de balão.

Ao fim de 10 minutos de jogo, via-se que alguns dos lusitaníssimos sempre disponíveis estavam de rastos (prefiro não citar nomes).

Mas para o presidente (eleito?) dum clube, esta palhaçada da anterior direcção, mostra que não vale a pena trazer os melhores luso-descendentes.

Maior desonestidade intelectual do que esta parece impossível.

Mas há. Basta continuar a analisar a entrevista do presidente, de facto, da FPR.

Claudio disse...

Aqui abaixo a "minha" equipa para ganhar contra a Rússia.

Não estão na lista jogadores alguns "franceses" que dariam grande jeito, mas que se encontram afastados da seleção há muito tempo e cujo a
disponibilidade, por esse motivo, me parece pouco provável (tipo David
Penalva ou Samuel Marques). Também não estão jogadores com qualidade, mas que nunca representaram Portugal (tipo Cedate Gomes Sá, Jean Sousa ou Fábio
da Silva). E também não incluindo jogadores indispensáveis, mas que penso estarem lesionados, como Gonçalo Foro ou Carl Murray.

Ou seja, uma equipa que me parece possível de constituir em apenas uma semana.

1 Francisco Fernandes

2 Mike Tadjer Barbosa

3 Cristian Spachuk

4 Diogo Toorn

5 Vlady Grikh

6 Maxime Vaz

7 Aurélien Beco ou Julien Bardy conforme disponibilidade

8 Vasco Uva (c)

9 Francisco Pinto Magalhães

10 Tomás Appleton

11 Adérito Esteves

12 José Lima

13 Pedro Bettencourt Avilá

14 José Maria Vareta

15 Nuno Sousa Guedes

--------------------------------------

16 Francisco Domingues

17 Geoffrey Moïse

18 Duarte Diniz

19 João Lino

20 Salvador Vassalo

21 Sebastião Villax

22 Tomás Noronha

23 Bernardo Seara Cardoso

Um grupo com apenas 10 dos 23 jogadores a jogarem fora de Portugal e que me parece capaz de dar a volta aos Russos !

Leo Topeleven disse...

Este presidente de clube não sabe o que dizer... parece um palhaço.

Dizer que jogadores que jogam nos melhores campeonatos não são mais valia para o XV de Portugal é mesmo absurdo !
Só para calhar o boca dele, seria interessante um jogo entre os de Portugal e os de fora.
Assim veremos que a certos postos, as experiência dos lusos descendentes é primordial.
O melhor XV português é composto por PORTUGUESES, que estão em Portugal e em França. E não por afinidades...

Sou luso descendente, nascido em Venezuela e vivendo em França há 29 anos... mais só tenho o bilhete português porque eu amo o meu pais PORTUGAL. Como todos os lusos descendentes !!!
Dizer então que quando jogamos Portugal é para o dinheiro é mesmo absurdo...

Prontos vamos la para a segunda divisão com idiotas desses...

Leo Topeleven disse...

Concordo com a tua equipa Claudio.

Leo Topeleven disse...

Mas é muito tarde... a convocação para o jogo contra a Rússia já foi divulgada e a única novidade é a entrada do José LIMA.

Claudio disse...

Estamos no « estado de urgência ». Temos 48 ou 72h para tomas as boas decisões. Com o grupo proposto aqui acima (ou outro parecido) podemos evitar a descida. Há que pegar no telefone sem mais tardar, ligar para essa dezena de jogadores de lá fora para os convocar, assegura-se a presencia dos outros que estão em Portugal, e constituir a equipa da “ultima chance” sem mais tardar. Depois do jogo contra a Rússia, logo será tempo para fazer contas e distribuir os as culpas. Por favor, aos que têm o poder de mudar as coisas, eu peço ajuda para nos evitar essa descida. Acredite que ainda seja possível.

Aguardo pela convocatória.

EnGdoPau disse...

Esqueçam a convocatória de jogadores luso-franceses, que os dirigentes da federação estão obstinados. Basta ver a nova convocatória no site da FPR (link em baixo). Dizer que se tivéssemos os jogadores luso franceses contra a Alemanha seria igual ao que aconteceu (derrota por 50-27) demonstra que o entrevistado ou está a dizê-lo de má fé ou revela desconhecimento, o que é grave. Basta ver o que aconteceu no ano passado em casa contra a Roménia (sem luso-franceses) em que perdemos por 37-10 e depois na Geórgia (com eles) com derrota de ponto-bonus 20-15. Na derrota com Hong Kong (mais forte que a Alemanha) a primeira parte foi realizada apenas com avançados a jogar em Portugal. Ainda aproveitou para atirar que tinham sido convocados mais de uma dúzia de luso franceses quando na realidade foram 5 (ver segundo link), mais um luso-sul africano (pareceu-me bom jogador a 10).

Penso que o jornal Record deveria dar agora a oportunidade a alguns jogadores franceses de se defenderem das acusações por forma a que a sua reputação não fique manchada.


http://www.fpr.pt/noticias/index.asp?opm=1&id=12174&id2=1

http://p3.publico.pt/raguebi/nacional/18776/revelados-os-eleitos-para-o-hong-kong-cup-nations

Claudio disse...

De facto, já saiu a convocatória. Mas há tempo para adendas. Sempre houve convocados de ultimo minuto. A urgência e o perigo iminente o justifica.

Boa noticia a convocatória do José Lima, mas não chega. Falta, atrás, o Adérito Esteves e, na frente, quatro pilares “franceses”, mais o Mike e um terceira linha do top14 ou do prod2. Aguardamos.

Antonio Esteves disse...

Que este é verdadeiro presidente da FPR já se sabia agora confirmasse . Pena que os jogadores PORTUGUESES em França não terem direito a sobreviver , porque segundo este senhor só tem direito quem for por o escolhido , se não vejamos , quando choviam jogadores e treinadores estrangeiros e portugueses no CDUL ser profissional ninguém levava a mal , agora é diferente . Quando um jogador profissional do CDUL joga pela seleção , o caso do Carl , o rapaz só pode jogar nos jogos que ele decide deixar porque paga , em França a disponibilidade tem de ser total porque o patrão é outro e ele por cá decide que tem de ser assim .

Claro preconceito de classe que nos habituou ao longo dos anos , agora claramente instalado no da FPR , não o rugby da equipa de 2007 que todos temos como referência , talvez porque o CDUL pouco ou nada rachava na altura .

Antonio Esteves disse...

Após ler a entrevista do presidente da Federação e CDUL ficamos a perceber qual o destino do rugby nacional , duas equipas a serem patrocinadas pela Federação, que por acaso serão o CDUL e Direito , eis o projeto nacional da nova direção, estes dois clubes continuarão a absorver todos os jogadores dos outros clubes como tem feito nos últimos anos e os restantes serão apenas clubes satélite destes dois clubes . É porquê estes dois ?! Porque não o Cascais ou a Agronomia , ainda à poucos anos o CDUL andava pela segunda divisão, e o Direito também por lá andou , a que propósito o CDUL que nem tem infra-estruturas próprias ??

Tem de ser o CDUL porque este diz que tem que ser , para controlar e mandar à sua própria imagem, triste para alguém que nunca se conformou com o sucesso das seleções nacionais como ilustra nas palavras amargas para com 2007 , triste que rugby nacional se venha a resumir ao projeto de alta sociedade deste senhor .

Ao que parece os lobby já acabaram, não sabemos por enquanto quais , porque as caras são as mesmas que tanta responsabilidade tem em tudo que está por fazer como afirma na entrevista, a começar pelos selecionadores já que por lá andavam antes , pelos vistos estão a colher o resultado do seu trabalho.

Leo Topeleven disse...

A primeira linha deveria ser composta por jogadores de experiência do TOP14 e ProD2 (tipo Spachuk, Fernandes, Tadjer Barbosa) para dar poder nas mêlée e um meio com jogadores como o Bardy, Beco, Gonçalo, Sousa... os das trás que estão chamados são bons e suficientes para jogar pela vitória.

Claudio disse...

Aguardamos pela adenda á convocatória. Nunca estivemos tão perto do jogo contra a Rússia.

Obrigado (a quem manda) pela atenção.

Duarte disse...

Com os luso-descendentes seria a mesma coisa contra a Alemanha?! Esta patetice é dita pelo auto-intitulado presidente (eleito? por quem? quando? com quantos votos? consegue explicar???) dum clube que manipula uma direcção que venceu as eleições na mais completa ilegalidade (de gente desta pode-se esperar muito quanto a valores...) E não tenho nada a a favor da anterior direcção.

Estive a reler a entrevista e nem me parece que valha a pena comentar mais. Não há paciência para tanta irresponsabilidade misturada com tanta presunção.

Para a posteridade, fica a foto com uma pose à António Variações, sob a égide de... Einstein. Enfim, um génio com vocação para cantar para emigrantes, os tais que ele despreza. Se esta gente conseguisse olhar para fora da redoma de cristal onde "vive"...

jmegapixel7 disse...

Bom aqui agora é 'salvar' os XV de uma inédita descida de divisão isto, sim deveria estar acima de quasquer interesses. Já disse antes; escolha péssima de treinador e mudança de presidente da FPR são factores de instabilidade nas XV e 7. O positivo é: mesmo que portugal perca contra a Rússia ( parece-me o cenário mais provável ) se não for por mais de 7 pontos , ganhasse então 1 ponto que faria a diferença na permanência isto é , caso a Alemanha perdesse em casa contra a Espanha que quererá sem dúvida terminar o grupo num muito honroso 3o lugar, sem que os Germânicos alcancem nenhum ponto bonus claro está. Ainda há esperança! Força lobos! E por amor à lógica qualitativa senhores dirigentes tragam os nossos melhores jogadores sejam portugueses ou luso -descendentes , aí sim teremos mais hipóteses de lutar de igual com Romenias , geórgicas , espantas etc.. Bem haja.

Claudio disse...

Boa tarde,

Alguém sabe dizer se na ultimas 48 horas houve alguns contactos entre as autoridades federativas e avançados "franceses" na óptica do jogo de sábado e de uma adenda á convocatória ?

Obrigado pela resposta.

Leo Topeleven disse...

Depois de ter visto a convocatória definitiva, tiro a conclusão que a FPR não quis escutar os PORTUGUESES...
Das da frente, só foi chamado o Francisco Domingues que mesmo sendo muito bom, não tem a experiência dos Spachuk, Fernandes, Alves... O Tadjer ou mesmo o Campergue não foram contatados.

Equipa jovem e bon para preparar o futuro mas é preciso segurar o presente para dar a possibilidade aos jovens de jogar a alto nível no futuro.

Sérieusement, je ne comprends pas la logique de cette fédération, qui est en totalement opposition sur ce qui se fait dans le reste du monde de l'ovalie.
Un bon putsch ne ferait pas de mal.

Claudio disse...

O que se está a passar é propriamente inacreditável.

Para quem não sabe, este próximo fim de semana não há jogos no Prod2...

Não vou falar mais porque estamos agora muito perto do jogo e que temos que ter respeito pelos jogadores que estarão em campo sábado. Mas se acontecer o que não queremos então termos muito para dizer.

Claudio disse...

"Teremos" !