26 de junho de 2017

AGRONOMIA E MONTEMOR SOBEM DE ESCALÃO NOS SEVENS

Com a realização dos torneios nacionais de sevens da 1ª e da 2ª divisão, ficou concluída e época oficial de sevens, já que o Torneio principal - Campeonato Nacional - já tinha decorrido na semana anterior, com a vitória do CDUL.

Agora, Agronomia venceu o Torneio da 1ª divisão - sendo promovido em 2017-18 ao escalão principal, em substituição da Lousã, última classificada do Campeonato Nacional, enquanto o Montemor venceu o Torneio da 2ª divisão, pelo que disputará na próxima época, o Torneio da 1ª Divisão, enquanto o Santarém, que não se apresentou para disputar a prova - que é obrigatória para as equipas representativas de clubes que disputam a Divisão de Honra e a 1ª Divisão do rugby de XV - deverá ser despromovido.

Acreditamos que é necessário rever os critérios de organização destas competições obrigatórias, pois acaba por não haver um padrão que seja seguido em todas elas, e as equipas faltosas - na 2ª divisão não compareceram o Aveiro nem o Leiria - devem ser punidas de acordo com os regulamentos.
O que não se pode é por um lado exigir mais e melhor competição, e depois na hora de se apresentarem em campo, não o fazerem.

Note-se que já antes das competições de sevens se tinha verificado que o Vitória (de Setúbal) não iria comparecer, e ficamos a aguardar a decisão federativa sobre as punições a aplicar, que poderão provocar mais alterações na composição das divisões nacionais dos campeonatos de rugby de XV.

A propósito do modelo da competição, creio que seria adequado seguir o padrão World Rugby das 16 equipas por grupo, que é claramente aquele que melhor serve os interesses competitivos, embora a Rugby Europe siga o modelo das 12 equipas, à imagem dos Jogos Olímpicos, mas que está longe de representar a melhor forma de agrupar as equipas, em especial na segunda fase da prova.

Recorde-se que o formato das 12 equipas adotado nos Jogos Olímpicos não foi escolhido pelas suas características competitivas, mas apenas por questões de organização das provas olímpicas em geral, que impõe limitações ao número de equipas participantes.

Fique com os quadros dos jogos e classificações dos dois torneios.

TORNEIO DE SEVENS DA 1ª DIVISÃO


CLASSIFICAÇÃO FINAL 1ª DIVISÃO
1º - AGRONOMIA
2º - VILA DA MOITA
3º - AGRÁRIA
4º - CRAV
5º - BENFICA
6º - GUIMARÃES
7º - BAIRRADA

TORNEIO DE SEVENS DA 2ª DIVISÃO






Quadros e fotos: FPR

1 comentário:

nuno oliveira disse...

Mas a competição nem de 12 equipas é. Tem 8 equipas. Falta árbitros competentes para não acontecer o que toda a gente viu na final da 1 Divisão. Muito mal esse árbitro. Em tempos que já passou os sevens disputava em 3 torneios. Agora para sermos competitivos temos 1 torneio. Nos sub 14 por exemplo temos 2 jornadas. Penso que devem rever o modelo para mais etapas. Relrmbro que quando andamos no circuito mundial tínhamos mais etapas no nacional de sevens.
Nuno Oliveira